Informações/avisos... Teletrabalho...

Teletrabalho…

DGE: ROTEIRO:8 Princípios Orientadores para a Implementação do Ensino a Distância
GOV: Ensino a Distância – Respostas para diferentes necessidades
TELETRABALHO:Informação EBSM

ESTABELECIMENTOS DE ENSINO – Escolas

Suspensão das atividades letivas e não letivas presenciais

O Governo decretou, com início a 16 de março e reavaliação a 9 de abril de 2020, a suspensão das atividades letivas e não letivas e formativas com presença de estudantes em estabelecimentos de ensino públicos, particulares e cooperativos e do setor social e solidário de educação pré-escolar, básica, secundária e do ensino superior.

Qual deve ser o comportamento dos alunos neste período sem ir à escola?

Por um lado, à semelhança dos restantes cidadãos, os alunos devem seguir as recomendações das Autoridades Nacionais de Saúde, adotando hábitos de higiene regulares (como lavar regularmente as mãos) e cumprindo com o distanciamento social. Por outro lado, é fundamental que os alunos mantenham rotinas e adotem métodos de trabalho que os ajudem a superar este novo desafio e a desenvolver aprendizagens, realizando as atividades indicadas pelos seus professores e comunicando com os mesmos.

Estão garantidos canais de informação e comunicação entre os vários membros da comunidade educativa (diretores, docentes, não docentes, alunos, pais e encarregados de educação)?

Sim. Neste período de suspensão das atividades letivas e não letivas com a presença dos alunos na escola, estão garantidos canais de informação e comunicação entre todos os possíveis interessados.
Desde logo, para efeitos de informação genérica de interesse para a comunidade educativa, e sem prejuízo da adoção de outros meios eficazes de divulgação, cada escola ou agrupamento de escolas utiliza a sua própria página da Internet.
Para efeitos de comunicação, no âmbito do apoio às aprendizagens em regime não presencial, será ainda de considerar os seguintes canais:

  1. Correio eletrónico;
  2. Plataformas de aprendizagem (p. ex.: Moodle);
  3. Grupos fechados em redes sociais;
  4. Outras soluções a adotar em função da singularidade do contexto em que a comunidade educativa se insere.

Serão aplicados métodos de ensino a distância?

Sim. É fundamental que os alunos continuem centrados nas atividades escolares.
A implementação do apoio às aprendizagens em regime não presencial deve consubstanciar-se em:

  1. Definição do trabalho a desenvolver autonomamente pelos alunos;
  2. Acompanhamento remoto dos planos de trabalho dos alunos;
  3. Especial acompanhamento a alunos com medidas seletivas ou adicionais, ao abrigo do regime da educação inclusiva;
  4. Sempre que possível, mediação do trabalho a desenvolver pelos alunos mais novos, com intervenção dos pais ou encarregados de educação.
  5. Especial acompanhamento a alunos com medidas seletivas ou adicionais, ao abrigo do regime da educação inclusiva.

Estão a ser criados instrumentos de apoio às escolas para a promoção do ensino a distância?

O Ministério da Educação já está a divulgar, junto das escolas, formas de promoção de práticas diferenciadas de ensino a distância, a desenvolver em função da evolução da situação e da realidade de cada escola, bem como do contexto de cada aluno.
O novo sítio da internet reúne um conjunto de recursos, ferramentas e informações úteis para as escolas e famílias, que visa apoiar as comunidades educativas na utilização de metodologias de ensino à distância.

Este apoio deverá permitir a todas as crianças e jovens:

  1. Manter contacto regular com os seus professores e colegas;
  2. Consolidar as aprendizagens já adquiridas;
  3. Desenvolver novas aprendizagens.

Foi também já disponibilizado um vídeo com 10 conselhos para os pais acompanharem as aulas dos alunos em tempo de COVID-19.

Enquanto se preparam outros instrumentos disponibilizados por diferentes produtores de conteúdos, a RTP 2, enquanto serviço público de televisão, e a Rádio Miúdos, que tem já uma tradição de parceria com as escolas, começaram a disponibilizar as suas grelhas semanais, as quais podem ser consultadas aqui.
Trata-se de um conjunto de programas com diferentes fins que podem ser articulados com a planificação feita sobretudo pelos educadores da educação pré-escolar e pelos professores do primeiro ciclo.
Esta forma de comunicação, pelo facto de ocorrer em sinal aberto, é mais um instrumento para se conseguir chegar a todos os alunos.

Os serviços administrativos das escolas estão abertos?

Os serviços administrativos das escolas estão maioritariamente a funcionar. No entanto, qualquer questão deve ser, preferencialmente, colocada por e-mail ou por via telefónica (consultar menu “Contactos gerais”).

A apresentação desta informação teve por base a recolha de dados nestes dois sitios online:

Unesco divulga 10 recomendações sobre ensino a distância devido ao novo coronavírus
https://covid19estamoson.gov.pt/medidas-excecionais/

Alguns canais úteis

Algumas soluções de videoconferência úteis: